Igreja

Morreu D. António dos Santos

Um Homem Bom, um bispo próximo do povo

          
Morreu D. António dos Santos

D. António Francisco dos Santos, bispo do Porto, faleceu a meio da manhã de 11 de Setembro, na Casa Episcopal da diocese, vítima de um ataque cardíaco agudo. A sua morte apanhou de surpresa, não só a maior diocese de Portugal, mas todo o país que lamenta a partida dum Homem Bom e um bom Pastor aos 69 anos.
Foi um bispo amado do povo, junto do qual deixa a memória dum homem bom, que queria ser “um bispo do povo no meio da comunidade, apreendendo diariamente, na escola do Cenáculo, da Cruz e da Páscoa”, tornando-se assim, segundo o lema escolhido, “Nas Tuas mãos”, um verdadeiro “apóstolo da bondade, servo da esperança e reflexo de Jesus Cristo” - referiu D. António na homilia da sua ordenação episcopal.


“Perdeu-se um grande e amado bispo…pela forma como conseguia relacionar-se com as pessoas” disse D. Jorge Ortiga, arcebispo de Braga, onde D. António foi bispo auxiliar da arquidio ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado com o seu login e password!
Clique para escolher uma assinatura; ou no caso de já ter uma assinatura por favor autentique-se com o seu login e password.


Comentários

Comentar esta notícia

Nome

Email

Comentário


Verificação de palavras
Escreva os caracteres que vê abaixo
YGMR2


    

Ainda ninguém comentou esta notícia!