Diversos

Falta de carteiros retém JV oito dias nos CTT de Vieira do Minho

          

Nos primeiros dias do ano, a leva de protestos contra os serviços de distribuição dos CTT na estação de Vieira do Minho, voltou à redacção do Jornal de Vieira. Foram muitos os assinantes que se queixaram do atraso da chegada de JV às suas casas. Apenas alguns casos: Assinantes da freguesia de Cantelães só receberam o jornal no dia oito de Janeiro, (onze dias depois da sua expedição postal, na estação de Coimbra), enquanto que, felizmente, muitos assinantes, residentes no concelho de Vieira do Minho, o receberam no dia 29 de Dezembro de 2017, apenas um dia depois da sua entrega naquela estação. O mesmo aconteceu com alguns semanários que, embora tenham estatuto de correio azul (cuja entrega obrigatória é de 24 horas), só chegaram ao respectivo destino cinco dias depois (incluído o fim-de-semana).


Esperamos que a administração dos CTT cumpra os acordos firmados com as empresas jornalísticas, tal como estas cumprem os pagamentos atempados para evitar juros de mora das suas fa ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado com o seu login e password!
Clique para escolher uma assinatura; ou no caso de já ter uma assinatura por favor autentique-se com o seu login e password.


Comentários

Comentar esta notícia

Nome

Email

Comentário


Verificação de palavras
Escreva os caracteres que vê abaixo
KAA93


    

Ainda ninguém comentou esta notícia!