Editorial

JV longe do zero

          

Com o novo ano, uma pá­gina nova se abre na vi­da das pessoas como na his­tória do já quase cin­quentenário Jornal de Vi­ei­ra. Uma página nova, mas não uma página em branco, porque não há vi­da sem história, nem povo sem passado, nem erros sem preço, nem virtudes sem saldo.


Um novo ano, tal como a vida das pessoa, das instituições ou de um jor­nal, não nasce nem cresce a partir do zero. Partimos dum ano velho, que gos­ta­­­ríamos de esquecer e ris­­­c ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado!
Escolha agora uma assinatura; ou se é assinante, autentique-se para ler artigo completo.

Comentários

  Comentar artigo

Nome

Email

Comentário