Igreja

A cultura do cuidado

          

A cultura do cuidado, co­mo “compromisso comum, solidário e partici­pativo para proteger e promover a dignidade e o bem de todos” e como “disposição a interessar-se, a prestar atenção, disposição à compaixão, à reconciliação e à cura, ao respeito mútuo e ao acolhimento recíproco”, constitui um caminho pri­vilegiado para a construção da paz, para erradicar a cultura da indiferença, do descarte e do conflito, que hoje muitas vezes parece prevalecer”.


É isso que o Papa Francisco propõe na Mensagem dirigida a todos os homens e mulheres de boa vontade por ocasião do 54º Dia Mundial da Paz. O Papa Francisco lembra a todos o que já ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado!
Escolha agora uma assinatura; ou se é assinante, autentique-se para ler artigo completo.

Comentários

  Comentar artigo

Nome

Email

Comentário