Do Cávado ao Ave

TABUAÇAS

Natal solidário

Está a decorrer uma campanha levada a cabo pela secção de Caminheiros do CNE de Tabuaças que visa angariar bens alimentares e também produtos de higiene pessoal que se destinam a ser distribuídos, agora pelo Natal, aos mais necessitados.
São vários os locais onde podemos deixar a nossa ajuda: Igreja Paroquial, Igreja de Santa Maria Mãe de Deus, sede da Junta de Freguesia, Associação Dzafios, ou ainda, entregar pessoalmente aos elementos que promovem esta iniciativa.
Contribua e faça-o agora no Natal e ao longo do ano!


VIEIRA DO MINHO

Intercâmbio entre instituições

No âmbito do projeto “Bem Envelhecer”, utentes da Santa Casa da Misericórdia de Vieira do Minho participaram, num encontro no passado dia 29 de Novembro, em Amares.
Este encontro, organizado pela Casa do Povo do Vale do Cávado, permitiu também o convívio entre gerações. Nele participaram as Instituições de Solidariedade Social que aderiram desde o início ao Programa «Bem Envelhecer».
Procurando combater o isolamento social e o risco da solidão, promovendo e apoiando o contato e solidariedade entre instituições, desenvolvendo capacidades e competências, o encontro proporcionou a todos um dia diferente e enriquecedor.


CANIÇADA

Associação constrói presépio

No centro da freguesia, lugar de Chelo, à margem da estrada nacional, mais uma vez pode observar-se um presépio construído com imagens do Menino, Nossa Senhora e S. José e do boi e burro, animais que a Escritura e a tradição sempre apresentaram no presépio de Belém.
As figuras das personagens e dos animais, recortadas e pintadas sobre cartão, têm a dimensão normal das pessoas.
A montagem do presépio deveu-se à Associação Cultural Social e Recreativa de Caniçada ConVida, ajudada pelos funcionários da União de Junta de Caniçada e Soengas.


MOSTEIRO

Aniversário do Rancho Folclórico

No dia da Padroeira desta paróquia de Portugal, a Senhora da Conceição, festejou-se, pela 40ª vez, o aniversário da fundação do Rancho Folclórico de S. João Baptista do Mosteiro. Uma celebração eucarística de acção de graças, solenizada pela participação dos membros daquela agremiação folclórica, marcou a efeméride. O pároco, à homilia, recordou os já falecidos e agradeceu o contributo dado pela associação à comunidade paroquial, divulgando “a sua identidade cultural” com as suas danças e tradicionais cantares pelas terras que vai visitando.
No próximo dia 17 os escuteiros e catequistas vão festejar com as crianças, seus pais e avós o Natal.


PARADA DE BOURO

ACR inaugura vitrina no aniversário

As comemorações do 35º aniversário da Associação Cultural e Recreativa de Parada de Bouro, fundada em 7/12/1982 ficaram marcadas com a inauguração de uma vitrina de troféus conquistados com muita “força, dedicação, devoção e glória”. Colocada na antiga Escola Primária, a vitrina que contém cerca de setenta troféus reúne um património de várias gerações de amantes do desporto desta freguesia que ergueram sua primeira taça em 1982 no torneio de futebol de salão em Paradela-Vadozende e a última no ano passado no futebol de praia sub 12 anos. Pelo meio ficam os dois intercâmbios, memoráveis, a Echternach-Luxemburgo, em 1999 e 2001.
As comemorações iniciaram-se com uma missa de sufrágio pelos sócios, atletas e directores falecidos, seguindo-se a atribuição de uma placa de “bons serviços prestados à freguesia” a Manuel Miranda Fernandes, vereador na Câmara Municipal de 1980 a 1990.


ROSSAS

Proximidade

Logo após a tomada de posse dos órgãos autárquicos foi implementado pelo novo executivo desta freguesia, em parceria com a Câmara Municipal, um “Serviço de Proximidade” na vila de Rossas. Ao fim do primeiro mês da sua implementação podemos dizer que é um sucesso, tendo em conta a adesão que tem tido. Até este momento foram atendidos cerca de 100 utentes nos diversos lugares da nossa Vila.
Devido à grande adesão da população de Rossas a este Serviço e no sentido de dar resposta a todos os utentes, de forma a conseguir percorrer todos os lugares, a Junta teve a necessidade de ajustar os horários deste serviço. Foram criadas 2 rotas, à terça-feira, a percorrer de 15 em 15 dias, e mantém-se a rota inicial de segunda-feira.


CAMPOS

Acção de “fogo controlado”

Na sequência das acções levadas a efeito pela Câmara Municipal, empenhada na sua política de defesa da floresta contra incêndios, realizou-se nesta freguesia uma acção de “fogo controlado” para prevenir este flagelo nacional. Com este objectivo os técnicos da Autarquia Municipal, os Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho, os Sapadores Florestais e a FEB (Força Especial de Bombeiros) realizaram no dia quatro de Dezembro, mais uma acção de fogo controlado na freguesia de Campos. A operação decorreu numa área de dez hectares que corresponderam, em linha recta, a cerca de quatro quilómetros de extensão. O recurso a esta técnica durante o Inverno é uma das medidas mais importantes para evitar o impacto dos incêndios no Verão.
No ano de 2017 o Município de Vieira do Minho já intervencionou, através de fogo controlado, uma área de 140 ha (cerca de 140 campos de futebol).


S. JOÃO DA COVA

No “Preço Certo”

Um habitante desta freguesia foi, em finais de Novembro, à gravação do programa de Fernando Mendes, Preço Certo, tendo chegado à “roda do jogo”. Jogou para um frigorífico, que perdeu, mas ganhou uma placa vitroelétrica para cozinhar.
António Gonçalves, o concorrente seleccionado para este concurso, foi acompanhado até à capital por mais nove vieirenses a quem a Câmara Municipal de Vieira do Minho ofereceu transporte.
Inédito na sessão, de momento ainda não agendada nos programas da RTP 1, foi o facto de Fernando Mendes ter oferecido o seu casaco ao António Gonçalves, que lhe serviu perfeitamente (foto).


PINHEIRO

Obras na igreja

Está em curso a obra de restauro do altar-mor, que começava a dar indícios de ataque das termitas a esta obra de talha dourada do estilo barroco, uma das cinco mais ricas do arciprestado de Vieira do Minho, cuja intervenção de fundo tem perto de 60 anos por iniciativa do inesquecível pároco P.e José Mota.
Há cerca de 30 anos, foi detectada uma coluna atacada de novo por este insecto destruidor, tendo logo sido reparado, para não se espalhar ao resto do altar. Vemos com agrado assim o restauro do tecto da capela-mor, cujos 12 painéis com pinturas do pinheirense Francisco José de Miranda, em que sobressaem as figuras dos 4 evangelistas «Marcos, Mateus Lucas e João» representam obra de inestimável valor histórico que se passasse pela cabeça de alguém destruir como já aconteceu noutras igrejas do concelho, seria por nós considerado um crime de lesa património, tal como substituir qualquer utensílio antigo que têm todos eles uma história e que devem sempre ser restaurados mas nunca substituídos.


VENTOSA

Requalificação do adro da igreja

Em dia de S. Martinho, patrono desta paróquia, António Cardoso, presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho, inaugurou os trabalhos de requalificação do adro da igreja. A cerimónia, realizada no final da missa vespertina, foi acompanhada pelo presidente da União de Freguesias Cova/Ventosa, Manuel Pereira da Silva, pelo pároco da freguesia, Pe. José Alves, membros do Conselho Económico Paroquial e por largas dezenas de populares.