Política

País cor de rosa nas Autárquicas

As últimas eleições autárquicas resultaram num mapa histórico para o PS, que pela primeira vez obtém mais de metade das câmaras municipais do país (159), mais nove que em 2013, retiradas ao PCP, que sofre a derrota mais pesada de sempre, com esta perda enquanto o CDS somou às cinco câmaras que controlava, Oliveira do Bairro.
O PSD, apesar de ter perdas significativas em concelhos importantes como Porto e Lisboa, acaba por não ter o desaire que a noite eleitoral inicialmente indiciava, (pelo menos em termos de votos). Perdeu oito câmaras (sozinho e em coligação) mas captou 30,42% dos votos do país, um resultado apenas ligeiramente inferior (menos 7 câmaras), ao conseguido há quatro anos (105), tendo mesmo conquistado 4 câmaras ao PS no Alto e Baixo Minho.


António Cardoso obtém resultado histórico

Com uma maioria mais absoluta na Câmara

A Coligação Por Vieira (PSD/CDS-PP) venceu as eleições autárquicas em Vieira do Minho, conferindo a António Cardoso um resultado histórico ao vencer o PS de Jorge Dantas com maioria mais absoluta (5-2)


Sócrates acusado de 31 crimes e de receber 24 milhões em luvas

O Ministério Público deduziu acusação contra 28 arguidos em despacho final da Operação Marquês.
Sócrates é acusado de 31 crimes e de ter ganho 24 milhões de euros na Suiça, de forma ilegal, através de um esquema que mascarou dinheiro vindo dos grupos Lena, Espírito Santo e Vale do Lobo, anunciou em comunicado a Procuradoria Geral da República (PGR) na manhã de 11 de Outubro. José Sócrates está acusado de 31 crimes: três de corrupção passiva, 16 de branqueamento de capitais, nove de falsificação de documento e três de fraude fiscal qualificada.  


CDS-PP volta a fazer queixa à Comissão Nacional de Eleições

A Comissão Política Concelhia de Vieira do Minho do CDS-PP fez, em 18 de Setembro nova participação à Comissão Nacional de Eleições sobre a conduta indevida por parte da candidatura do Partido Socialista aos órgãos autárquicos de Vieira do Minho. Desta feita, a propósito da participação do Ministro do Trabalho, da Solidariedade e da Segurança Social numa ação de campanha da referida candidatura. Apesar de voltar a referir que o ministro se encontra presente na qualidade de cidadão, na sua página da rede social Facebook são feitas referências evidentes às matérias tuteladas pelo Ministro enquanto governante, tentando fazer a analogia entre essa tutela e o programa eleitoral autárquico do Partido Socialista, o “que viola o princípio da neutralidade e imparcialidade das entidades públicas previsto na Lei Eleitoral dos Órgãos das Autarquias Locais”.


Mais de duas mil pessoas na apresentação de António Cardoso

A praça Guilherme de Abreu conheceu “uma impressionante moldura humana” que a preencheu, totalmente, na noite de 23 de Setembro, para assistir à apresentação das listas da Coligação Por Vieira candidatas às Assembleias de Freguesia, à Assembleia Municipal e Câmara Municipal.
Hugo Soares, deputado e líder da bancada do PSD na Assembleia da República, foi o convidado desta sessão. O deputado fez uma brilhante intervenção de apoio a todas as candidaturas da Coligação Por Vieira, salientando com especial ênfase a “paixão” sentida em torno da campanha de António Cardoso.


Candidatura socialista com centenas de apoiantes

Centenas de apoiantes da candidatura socialista à liderança do Município de Vieira do Minho estiveram presentes no jantar “Vieira para Todos” que teve lugar, em 17 de Setembro num restaurante das Cerdeirinhas.
A candidatura contou com a presença do atual Ministro do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social do Governo do PS, Vieira da Silva que, na sua condição de cidadão, manifestou um efusivo apoio à candidatura de Jorge Dantas à Câmara vieirense.


CDU-Coligação Democrática Unitária

A CDU-Coligação Democrática Unitária (PCP/PEV) concorre à Câmara Municipal, à Assembleia Municipal e às Assembleias de Freguesia de Vieira do Minho, Cantelães, Mosteiro, Tabuaças e Eira Vedra e União de Freguesias Ventosa/Cova. José Manuel Martins, mandatário às eleições autárquicas, está “a fazer o trabalho de casa” para a campanha eleitoral que “vai ser porta a porta” e uma arruada marcada para o dia 25 de Setembro.
A CDU tem como objectivo “obter o melhor resultado do século e deposita fortes esperanças na conquista da Junta na União de Freguesias Ventosa/Cova”.


CDS queixa-se à CNE

Em nota enviada à nossa redacção o CDS-PP de Vieira do Minho queixou-se à Comissão Nacional de Eleições sobre a utilização abusiva por parte do Partido Socialista da visita do Ministro da Economia, Caldeira Cabral, na apresentação dos órgãos autárquicos a Vieira do Minho
“Apesar de ter sido referido pelo próprio que estava nos eventos de campanha enquanto cidadão, a candidatura do Partido Socialista refere na sua página da rede social Facebook que o actual governante apadrinhou propostas no âmbito do turismo”.
A Comissão Política Concelhia do CDS-PP de Vieira do Minho diz ainda que os vieirenses não precisam que a campanha eleitoral esteja acompanhada de manobras de diversão cujo único objectivo é induzir os eleitores em erro.


Candidatos apresentam-se

A 15 dias das Autárquicas os candidatos, acompanhados de ministros do Governo e deputados à Assembleia da República, percorrem todas as aldeias e prometem “mundos e fundos” em total desrespeito da Lei eleitoral.


Partido Socialista promete piscina flutuante na albufeira do Ermal

A candidatura de Jorge Dantas pelo PS à liderança do Município de Vieira do Minho apresentou o seu programa eleitoral às eleições de 1 Outubro e prometeu construir uma piscina flutuante no Ermal.
A festa convívio dos socialistas, realizada em 08 de Setembro, contou com o ministro da Economia e Turismo, Manuel Caldeira Cabral, que na sua condição de cidadão manifestou um entusiástico apoio à candidatura de Jorge Dantas e à liderança da autarquia vieirense.