Diversos

“Que balanço, 2020?”

          

Sei que nunca devemos esquecer o passado, para que possa­mos cimentar o presente e olharmos com esperança o futuro!
Porém, às vezes, quase me apetecia esquecer o ano 2020! Seria, certamente, um erro fazer de conta que não existiu, pois ele deixou marcas irreparáveis, momentos inesquecíveis, he­róis que não conhecíamos, objectivos impensáveis, resis­tên­cia e resiliência nunca vistas, na luta contra um inimigo co­mum e invisível, denominado COVID 19!


Foi um ano que deixou ensinamentos, que obrigou a pensar, que nos fez descer à terra e a tomarmos consciência da nos­­sa fragilidade enquanto seres humanos. Resumindo, na equação e ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado!
Escolha agora uma assinatura; ou se é assinante, autentique-se para ler artigo completo.

Comentários

  Comentar artigo

Nome

Email

Comentário