Política

Cristiano Pinheiro eleito presidente da C. P. D. da JSD de Braga

No dia 22 de Novembro, Cristiano Pinheiro foi eleito presidente da Comissão Po­lítica Distrital da JSD de Braga para o biénio 2019-2021.
A eleição decorreu num hotel da cidade de Bra­ga, tendo o membro da conce­lhia de Vi­eira do Minho e deputado da Assembleia Municipal recebido 97 votos a favor, 5 em branco e 3 nulos num universo de 105 votantes de to­do o distrito.
Ler mais


Governo português nega solidariedade a desempregados belgas

O Governo português contribuiu para que, pela primeira vez, tenha sido chumbada a mobilização do Fundo Europeu de Ajustamento à Globalização para apoio a trabalhadores de­sempregados na União Europeia.
Ao abster-se na votação no Conselho da UE, o Governo li­derado por António Costa ajudou ao chumbo de um programa de apoio e requalificação de mais de 1.000 trabalhadores dispensados da empresa Carrefour na Bélgica – sendo a esmagadora maioria deles com mais de 55 anos de idade. “É um precedente grave, pouco solidário para com a Bélgica e para com os trabalhadores europeus”, lamenta o euro-deputado José Manuel Fernandes, que foi relator do Parlamento Europeu para este programa de apoio, aprovado por larga maioria em sede de comissão parlamentar.
Ler mais


Posse do XXII Governo Constitucional

O maior de sempre: 20 Ministros e 50 Secretários

O XXII Governo Constitucional, formado por 20 ministros e 50 secretários de estado tomou posse, no Palácio da Ajuda, na manhã de 26 de Outubro, tendo o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa deixado um avi­­so ao Primeiro- Ministro, António Costa: “Sabe que não é fácil a tarefa que o espera”.
O discurso do Presidente da República começou com um balanço positivo do último Governo, mas não esqueceu outros fatores que facilitaram a tarefa do Executivo: “a conjuntura externa” e o “trabalho de anteriores Executi­vos”.
Ler mais


País de luto pela morte de Freitas do Amaral

O Governo decretou o 5 de Outubro/2019, dia de Luto Nacional por Diogo Freitas do Ama­ral, que faleceu no Hospital da CUF em 3 de Ou­tu­bro, com 78 anos, vítima de doença prolongada e onde se encontrava internado desde 16 de Setembro.

Ler mais


PS vence eleições e fica a 10 deputados da maioria

Os portugueses votaram e o PS ganhou as eleições legislativas. Mas não conquistou a maioria tão desejada. Com 36,65% dos votos, numas eleições em que a abstenção atingiu os 45,50%, quando há quatro anos foi de 44,1%, e em que o Parlamento receberá deputados de três novos partidos: Iniciativa Liberal, Livre e Chega, a direita sai derrotada e a extrema-direita entra no Parlamento.

Ler mais


Proposta política do PSD

Após a apresentação de várias medidas avulsas, o PSD apresentou a 6 de Setembo, no Porto, a sua proposta política para as legislativas de 6 de outubro.
Rui Rio, presidente do PSD, reafirmou que as prioridades passam por reduzir a carga fiscal, melhorar os serviços de saú­de, reforçar as exportações e voltar a estudar uma ligação nacional em alta velocidade.
Ler mais



Candidatos do Partido ALIANÇA estiveram em Vieira do Minho

Luís Cirilo Carvalho, cabeça de lista da Aliança, à As­sembleia da República pelo círculo eleitoral de Braga, acompanhado por Carlos Vaz, Mandatário Distrital e pelos candidatos Ricardo Ribeiro e Palmira Guimarães, esti­veram na vila da Vieira do Minho, na manhã de 28 de Agosto, onde reuniram com o presidente da Câmara Municipal de Vieira do Minho, António Cardoso Barbosa.
No encontro, que serviu para apresentar cumprimentos ao presidente, bem como para discutir assuntos de interesse para o Município, estiveram temas do programa da Aliança às próximas legislativas, tais como Educação, Saúde e Turismo.
Ler mais


Do programa eleitoral do CDS

O programa eleitoral dos centristas para as legislativas de 6 de Outubro não prevê o regresso às 40 horas de tra­balho na Função Pública. Na questão das carreiras dos professores e a contagem do tempo em que estiveram congeladas, o CDS assegura manter a sua posição so­bre as condições para a recuperação do tempo, mas lem­bra que não foi o responsável nem pelo congelamento nem por chamar o diploma das progressões ao Parlamento.
Ler mais


Do programa eleitoral do PS

Com 139 páginas de medidas, agora reduzidas a 9 com­­pro­missos com impacto financeiro, que dariam orça­men­tos bastante austeros, o programa eleitoral do PS con­tém promessas vagas, contas por alto, e cortes discre­tamente anunciados, ao invés do que aconteceu em 2015 As 9 medidas por ordem decrescente: Programa de construção de habitação pública (600 milhões de euros); Du­pli­ca­ção da rede de cuidados continuados (240 milhões); Aumento das deduções em IRS para famílias com mais filhos (200 milhões); Aumento das pensões mais baixas (150 milhões); Criação de um vale para dar óculos a me­no­res que precisem (80 milhões); Construção de creches (70 milhões); Alargamento do vale dentista (60 milhões); Cria­ção de um apoio para colocar os filhos nas creches, a partir do segundo filho (53 milhões); Programa de distri­buição de iPads pelas escolas (30 milhões).
Ler mais