Reportagem

Museu Pio XII mostra São Bento da Porta Aberta

Organizada pela Irmandade de S. Bento da Porta Aberta está patente ao pú­bli­co, no Museu Pio XII, em Braga, uma exposição sobre a importância da espiri­tualidade beneditina, na cul­tura dos povos da Península Ibérica, ainda anterior à in­dependência de Portugal, reforçada depois pela Ordem de Cister, que muito in­flu­enciou os primeiros reis, nos campos estratégico, eco­­nómico e cultural.
Esta explicação foi dada por Carlos Aguiar, membro da Irmandade, acompanhada pela apresentação dos elementos expostos nesde documentos: alfaias litúrgi­cas, imagens e ex-votos.


Romaria de S. Bento da Porta Aberta

A romaria de S. Bento da Porta Aberta, que se realiza a 11 de Julho de cada ano, e que é a segunda maior, das três que têm lugar naquele santuário, foi presidida pelo arcebispo de Bra­ga, D. Jorge Ortiga, concelebrada por mais 12 sacerdotes e acolitada por dois diáconos.
Antes da procissão de en­trada solene na cripta, pela porta central, vinda da sa­cris­tia, e atravessando a ga­ra­gem privada da Irmandade, os celebrantes, já para­men­tados, assistiram, com al­guma comunicação social, ao descerramento, na sa­cristia de dois retratos a óleo de Sua Ex.a Reveren­dís­sima D. Jorge Ortiga e do Cónego Fernando Mon­tei­­ro, presidente da Comissão Administrativa da Ir­man­­dade de S. Bento da Por­­ta Aberta.
À homilia, D. Jorge reflectiu sobre a mensagem de S. Bento, um jovem incon­for­ma­do com a Igreja do seu tempo, e que apresentou co­mo modelo para os jovens de hoje. “A sua vida de en­tre­ga aos outros” foi proposta pelo prelado aos neo-sacerdotes que irá ordenar, no Sa­meiro, em 15 de Julho. De resto, toda a homilia do ar­cebispo centrou-se nos jo­vens, que convocou “a vi­ve­­­rem a sua vocação no seio da família e na so­cie­­da­de”.


S. Bento com “posto de atendimento” aos peregrinos

Durante um mês (14 de Julho a 15 de Agosto), os peregrinos que se deslocarem a pé a S. Bento da Por­ta Aberta, na freguesia de Rio Caldo, no concelho de Terras de Bouro, vão dis­por de dois centros de “atendimento ao peregrino”, um, em Santa Marta de Bouro, no con­ce­lho de Ama­res e outro nas Cer­dei­­ri­nhas (Tabuaças), no con­celho de Vieira do Mi­nho. Es­tes postos de atendime­nto serão supervisionados pelo Destacamento da GNR da Póvoa de La­nho­so e voluntários que vão distribuir coletes reflectores, café, águas, fruta, e cui­dados de primeiros so­cor­ros, entre outros.
Em todos os dias do ano, mas sobretudo nos dias de Ve­­rão, chegam a S. Bento da Porta Aberta, peregrinos que se deslocam de bicicleta, de carro, de autocarro e a pé. A Comissão Admi­nis­­trativa da Ir­man­da­de de S. Bento, ci­en­te dos riscos que os pe­re­gri­nos correm, dada a aflu­ência e tráfego ro­doviário, tem distribuído si­nalé­ctica de alerta aos automobilistas, que o Destacamento da GNR da Póvoa de La­nhoso tem colocado na via pública. Este ano a acção foi alar­ga­da a ou­­tros destaca­men­tos: Bra­ga, Bar­celos, Fafe e Gui­­ma­rães, uma vez que há muitos peregrinos a caminhar até S. Bento vindos des­­tas localidades. Foram convidadas a participar na cam­­panha, várias rádios, ten­do a Irmandade entregue kits de apoio ao peregrino. 


D. António Marto elevado a Cardeal

O cardinalato é “uma carícia de Nossa Senhora para ti”, disse-lhe o Papa Francisco

O Papa Francisco chamou D. António dos Santos Marto, bispo de Leiria-Fátima, que criou como no­­vo Cardeal da Igreja Católica, para lhe entregar o anel de Pedro, o barrete cardinalício e o diploma. Eram 16h39 em Roma, vésperas da Solenidade de S. Pedro e S. Paulo, quando na Basílica do Vaticano se ouviu a fórmula ritual da imposição das insígnias ao novo cardeal português. “Recebe o anel das mãos de Pedro e sabe que com o amor do Príncipe dos Apóstolos se reforça o teu amor para com a Igre­ja” - disse-lhe o Papa.


Bombeiros festejam S. Marçal no S. Bento

Dezenas de bombeiros provenientes, de 19 corporações do distrito de Braga, estiveram em S. Bento da Porta em 30 de Junho para celebrar o dia de S. Mar­­çal, Padroeiro dos Bombeiros.
A Fanfarra dos Bom­bei­­­ros Voluntários de Vizela abriu o desfile iniciado no largo do cruzeiro e que terminou na Ba­sílica. Na cripta do Santuário celebou-se a Eucaristia pre­­si­dida pelo Arcebispo de Braga, D. Jorge Ortiga e solenizada pelo Grupo Romeiros da Ribeira Cávado.
Na homilia D. Jorge Ortiga pediu aos bombeiros que olhas­­­­sem para a sua vida pessoal e a relação com a Igreja. “Serem capazes de cultivar a amizade e a virtude da so­­­lida­rie­da­de, o bombeiro sofre com aquele que está a so­­frer; O espí­rito de sacrifício, é capaz de se sacrificar pe­­­lo outro; A virtude da verdade, sejamos sinceros e verda­dei­ros; A virtude da ho­nestidade, do amor e da caridade, on­­­de os bombeiros mais deviam crescer, começando na fa­­mília, alargando aos amigos e depois levá-la para a cor­po­­­ração”


Assembleia Municipal

Aprova alteração de empréstimo do Executivo de 700 mil euros

Na sessão ordinária da As­­­sembleia Municipal de Vi­­eira do Minho realizada na noite de 22 de Junho, foi aprovado, com 7 abstenções do PS, a contratação de empréstimo de médio e longo prazo de 700 mil eu­ros para beneficiação de ca­mi­nhos e estradas municipais de 2018 a 2020. Entretanto, o empréstimo com o mesmo montante, apro­va­do na sessão anterior pa­ra a instalação de iluminação pú­blica, foi anulado. Es­ta “al­teração” na finalidade da contratação do em­pré­stimo, que não constava na agenda de trabalhos, surge após a EDP se responsabilizar por colocar em grande parte do concelho lâmpadas leds, informou o presidente da Câmara.
Também na ordem de tra­ba­lhos, foi aprovada a in­te­gração de Pedro Pires, do PS, na Comissão de Revi­são do Regimento Interno da Assembleia. Recorde-se que o PS na sessão que ele­geu a Comissão “mostrou-se indisponível”.
Com 7 abstenções socia­lis­­tas foi aprovado a alteração ao mapa de pessoal; O recrutamento de cargo di­ri­gente de direcção in­ter­mé­dia de 3º grau; Segunda re­vi­são aos documentos pre­visionais, revisão esta que tem a ver “com as vias de co­municação no concelho”.


Auto Branco com novas instalações

Com a benção do Padre Fernando Eurico foi inau­gu­­rada no sábado, 26 de Maio, a oficina Auto Branco, de Acácio Francisco Gon­çalves Branco.
Na nova estação auto, si­tuada junto à estrada nacional 304 que liga Cer­dei­ri­nhas a Vieira do Minho que tem como lema “os nos­­­sos serviços é sempre preto no Branco”, permite uma contínua melhoria da qualidade do serviço pres­ta­­do outrora nas antigas ins­talações na rua S. Ni­co­lau. A partir da próxima semana quatro mecânicos estão ao seu dispôr para: revisões, suspensões, amortecedores, travões, bate-chapa, pintura e alinhamento de direcção.
Em dia de aniversário, Acácio Branco, brindou os muitos clientes e amigos presentes no acto inaugural com um lanche ajantarado da Pastelaria da Nova que terminou com o soprar das quarenta e seis velas e o cantar de parabéns.


Peregrinação Arciprestal à Senhora da Fé

D. Nuno apelou à “honestidade na família, no trabalho, na política, nos negócios ...”

D. Nuno Almeida, bispo Auxiliar de Braga, que subiu com centenas de peregrinos ao monte de Sta. Cecília, em Cantelães, na peregrinação arciprestal de Vieira do Minho à Senhora da Fé a 27 de Maio, alertou os peregrinos a “testemunhar a fé”, a “promover a ho­nes­tidade” e a” inviolável dignidade da vida humana”.


A Família na Atualidade Desafios e Boas Práticas

No Auditório Municipal de Vieira do Minho decorreu du­rante todo o dia 24 de Maio um Seminário sobre o tema “A Família na Actuali­da­de: Desafios e Boas Prá­ti­cas” que congregou diversas personalidades para reflectir algumas problemáticas da actualidade das famílias.
O Seminário contou com as intervenções da Procura­dora do Tribunal de Família e Menores da Co­marca de Braga, Eurí­di­ce Go­mes, que abordou o te­ma, “Pro­mo­ção e Protecção: O Papel da Família”; da presidente da Comissão de Protecção ao Idoso da Associa­ção Regional do Norte, Con­ceição Sampaio, que versou o tema “Políticas de Protecção da Pessoa Idosa na Actualidade”; da Coordenadora do Observatório das Autarquias Familiarmente Responsáveis e Associação Portuguesa de Famílias Numerosas, Isabel Pau­la Santos que tratou o tema “Políticas Familiarmente Res­­ponsáveis”; da Verea­do­­ra da Educação da Câ­ma­ra Municipal de Vieira do Minho, Elsa Ribeiro, versando “O Papel das Autar­quias no Apoio a prestar às Fa­mílias: as boas práticas do Município de Vi­eira do Mi­nho”. Um “Pro­je­cto Con­celhio de Educação Pa­ren­tal” foi apresentado por Car­la Branco do Município de Fa­malicão.


Festivais Regionais 2018 em Vieira do Minho

No Centro Escolar Do­min­gos Abreu, em Vieira do Mi­nho, realizou-se em 14 de Abril a edição deste ano dos Festivais Regionais de Bra­ga. A organização ficou a car­go da Junta Regio­nal de Braga em colaboração com a Junta de Núcleo de Vieira do Minho.
Cerca de 700 escuteiros, provenientes dos vários agrupamentos do CNE de Braga, participaram neste fes­­tival, considerado como um verdadeiro “Encontro de Ar­tes”. Cinema, vídeo, teatro, fotografia, música e can­­ção são artes que anu­al­men­te levam centenas de “jo­­vens escutas” a exibirem as suas capacidades no “Fes­­­tival EScurtas” de curtas metragens e no “Festival da Canção Monsenhor Amé­rico”, no concurso “Peças de Fogo do Conselho” e no “Concurso de Fotografia”.
Naquele dia, centenas de escuteiros deram cor à vila de Vieira do Minho, numa actividade de muita alegria, sor­ri­­sos, gargalhadas, brincadeiras, animação, partilha e amizade.