Reportagem

Via Sacra ao Vivo “Missão em Esperança”

A Via Sacra ao Vivo, dinamizada pelo Centro de Reabili­tação para Pessoas com Deficiência, em Touguinha, equipamento social da Misericórdia de Vila do Conde, foi ao palco do Espaço Vita, em Braga na noite de 11 de Abril. 



Museu Pio XII enriquecido com obra pictórica de Levi Guerra

O Museu Pio XII foi contemplado com a oferta da colecção de pintura, de cariz religioso, que o seu autor, Levi Eugénio Ribeiro Guerra, ain­da detinha em sua posse. O facto foi assinalado, na noite de 5 de Abril, com o lançamento do catálogo da obra, intitulado “Levi Guerra: entre a Medicina, a Escrita e a Pintura”, numa sessão que contou meia centena de pessoas, que estiveram na sala do museu que expõe a obra pictórica, oferecida pelo autor.


Ciclone Idai atinge 90% da cidade da Beira

A passagem, em 14 de Março, do ciclone Idai em Moçambique, no Zimbabué e no Maláui fez pelo menos 762 mortos, segundo os balanços oficiais mais recentes.


Vieira do Minho com stand na Bolsa de Turismo de Lisboa

Pelo segundo ano consecutivo o Município de Vieira do Minho montou um stand próprio na maior feira de tu­­rismo realizada em Portugal que decorreu de 13 a 17 de Março na FIL.
A participação nesta 31ª edição da BTL materializou-se na divulgação “das mais de 150 casas de turis­mo em espaço rural, na apre­sentação da restauração, na divulgação da Serra da Cabreira e suas po­ten­­cialidades na práti­ca de desportos de natureza, da divulgação de um conjunto de eventos e iniciativas ful­crais a afirmação do territó­rio e na divulgação das in­fra­estruturas municipais, com destaque para o Parque de Campismo da Cabreira, Teleski e Bar­co Tu­rís­tico Brancelhe”, afirmou o presidente da Câmara Mu­nicipal de Vieira do Mi­nho, António Car­doso, que também integrou uma co­mi­tiva que foi visi­tar e conhecer as novidades deste certame no passado dia 15 de Março. Para além de dezenas de proprietários de casas de tu­rismo rural e de restauração, cinco alu­nos do curso pro­fis­sional de turismo da EBS Vieira de Araújo, marcou presença naquele dia a Associação Amar Vi­eira, onde teve a oportunidade de dar a co­nhe­cer a gas­tronomia da região com uma degustação de fumeiro e a sopa à lavrador no pote.


Município plantou mil árvores na Cabreira

O Dia Mundial da Árvore foi antecipado, em Vieira do Minho, para 20 de Março, para o presidente do Município poder participar na plantação de árvores na serra da Cabreira. Uma acção orientada para a reflorestação da área queimada pelos incêndios florestais de Outubro de 2017 que apelou à colaboração dos proprietários de terrenos e comissões de baldios para a limpeza da floresta e preservação.


Carnaval de Parada sai à rua mesmo com chuva

Nem o aviso da Protecção Civil, de chuva, neve e vento para a terça-feira de carnaval, demoveu os pa­ra­denses de saírem à rua no corso carnavalesco que vai na sua 15ª edição.
Dez carros alegóricos, seis grupos e cerca de 60 fi­­gurantes, provenientes do mo­vimento associativo da fre­guesia: Fanfarra Flores do Cávado, Rancho Folcló­ri­co de Pandozes, Associa­ção Cultural e Recreativa, des­filaram desde o lugar de Pandozes até à Escola Pri­má­­ria onde a Junta de Freguesia, organizadora da edi­­ção, ofereceu um lanche a todos os participantes.


79º aniversário dos Bombeiros Voluntários de Vieira do Minho

Nova viatura e atribuição do nome da “Parada do Quartel” a Miguel Macedo

A Direcção da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vieira do Mi­nho atribuiu o nome do ex-mi­­nistro da Administração Interna, Miguel Ma­ce­­do, à Parada frontal do quartel, como “reconhecimento e gratidão ao Ministro amigo dos Bombeiros de Portugal. Nós temos memória e grati­dão, e por isso quisemos per­pe­tuar o seu nome, que pa­ra sempre fica ligado a Vi­ei­ra do Minho, através do bem praticado enquanto go­ver­nante”, afirmou o pre­si­dente da direcção Padre Albino Carneiro nas comemorações do 79º aniversário da Associação Humanitária. Não ficaram por aqui os agradecimentos. Desde o Comandante Ri­cardo Dias e 2º Comandante Hen­­­­ri­que, ao corpo activo, “os vi­eiren­ses souberam ava­liar que as coisas estão a mudar. Obrigado pela vossa entrega e dedicação”, afirmou o P.e Albi­no. Igualmente mereceram a atenção do pre­si­dente da di­recção, “o ben­fei­tor Manuel Barros que não sendo vieirense, a ele devemos a cobertura do par­que de via­turas e as camas completas para as ca­ma­ratas”, e o “velho amigo Comandante Ribeiro, pe­la amizade e e apoio, apadrinharam a via­tura VT­TU, que su­bs­­titui a malograda no acidente de 19 de Agosto de 2017”.


Casa do Povo requalificada
Sede de Junta e Escola de Música

António Cardoso, pre­si­dente da Câmara Municipal, acompanhado do presidente da Junta de freguesia de Vieira do Minho, Hum­berto Cruzi­nha descerraram em 23 de Fevereiro a placa que assi­na­la a requa­li­ficação do edi­fício da Ca­sa do Povo. A obra que custou cerca de 300 mil eu­ros, cofinanciada em 85% pelo Programa Opera­cional Regional Norte, Por­tu­gal 2020, permitiu instalar no piso superior o Polo do Conservatório de Musi­ca de Guimarães e no rés-do- chão, a sede da Junta de Freguesia e o Centro de Convívio e Lazer. O jardim nas traseiras do edifício tam­bém foi objecto de uma intervenção.
A cerimónia de inauguração começou no exterior do edifício com um grupo dos cinquenta alunos do ensino articulado de música do Po­lo do Conservatório de Mú­si­ca de Guimarães a interpretarem o “Hino de Vieira” e o Hino da Alegria” para os convidados, onde se destacavam o Executivo Municipal, a presidente da Assem­bleia de Freguesia e Provedora do Idoso, Joaquina Ma­ria Coelhoso, outros mem­bros da Assembleia e o presidente da Sociedade Musical de Guimarães, Ví­tor Matos.


Assembleia Municipal chumba transferências de competências do Governo

A Assembleia Municipal de Vieira do Minho reuniu em sessão ordinária no dia 1 de Fevereiro de 2019, apro­­van­do com um voto contra e sete abstenções a não aceitação de quatro transferências de compe­tên­­cias para a Au­tarquia. A saber: Justiça; Apoio às equi­pas de intervenção das Associações de Bombeiros Voluntários; Gestão de programas de apoio ao arren­da­mento urbano; Troços de estradas e dos equipamentos e infaestruturas neles integrados.
Por proposta do CDS, foi aprovado, por unanimidade, um pedido para que as es­tradas nacionais que atravessam o município de Vieira do Minho, EN 103, EN 205 e EN 304, sejam in­cluídas no Plano Na­cional de Investimentos 2030. “Não pode­mos deixar passar mais uma década sem que estes traçados arcaicos sejam rectifica­dos, melhorando as acessibilidades ao nosso concelho”, defendeu Ana Duarte, que soli­ci­tou que a moção fosse enviada à Assem­bleia da Re­pú­blica, e dado conhecimento às as­sembleias municipais da Póvoa de La­nho­so, Terras de Bouro, Ca­beceiras de Bas­to, Fa­fe, Montalegre e Boticas.