50 Anos Jornal de Vieira  1972 - 2022

Entrevistas

General Franco Charais em entrevista ao Jornal de Vieira

“Enquanto a venda de armas for um dos mais rentáveis negócios do mundo a paz não será possível”

Tenente-General reformado do Exército Português, Franco Charais, nasceu em Cedofeita, Porto. Frequentou os Cursos de Artilharia na Escola do Exército, os Cursos de Estado-maior (Geral e Complementar) e o Curso de Defesa Nacional. Tem averbados 11 louvores individuais, sendo 2 de General (CEME e 5 de outros oficiais generais; foi agraciado com a Ordem Militar de Avis (Cavaleiro, 1970), com a Grã-Cruz da Ordem da Liberdade (1985), com a Medalha de Ouro de Serviços Distintos (1991), Mérito Militar (2ªclasse, 1973), Comemorativas das Expedições a Moçambique e das Campanhas de Angola, com as respectivas legendas e pelo Governo de Espanha, com a Cruz de 1ª classe de Mérito Militar com distintivo branco. Colaborou na redacção do Programa do Movimento das Forças Armadas e desempenhou, entre 25 de Abril de 1974 e 1982, funções na Comissão Coordenadora do Programa, no Conselho de Estado, no Conselho da Revolução e, em acumulação, comandou a Região Militar do Centro. Após 14 anos à frente de um projecto de cooperação técnica com Angola, Moçambique, Cabo Verde e São Tomé e Príncipe, do qual foi fundador. Dedicou-se dedicou-se à pintura e desde 1995 fez exposições em várias cidades do país. Em 2001 foi “Pintor convidado de honra” no 1º Salão de Artes Plásticas de Angoulême em França.

Ler mais


D. José Cordeiro, arcebispo de Braga, em entrevista ao JV

Sonha com uma Igreja missionária sempre em atitude de conversão pessoal

D. José Manuel Garcia Cordeiro, Arcebispo Primaz de Braga, sucede a D. Jorge Ortiga no governo da Metropolita Arquidiocese minhota. O novo arcebispo deixa a diocese de Bragança-Miranda, para onde foi nomeado, em 18 de Julho de 2011, pelo Papa Bento XVI. Nasceu em Angola em 1967, mas veio para Alfândega da Fé em 1975 com a família, tendo frequentado o Seminário Menor da diocese Bragança-Miranda e o Seminário Maior, seguindo os estudos filosófico-teológicos da Universidade Católica Portuguesa. Foi ordenado sacerdote em 16 de Julho de 1991. Licenciado em Teologia, licenciou-se e doutorou-se também em Liturgia em Roma, onde frequentou o Pontifício Ateneu de Santo Anselmo e nele foi Professor. Foi reitor do Pontifício Colégio Português. É vogal da Comissão Episcopal para a Liturgia e Espiritualidade e da Comissão Episcopal para as Vocações e Ministérios, da Conferência Episcopal Portuguesa e académico correspondente da Academia Internacional da Cultura Portuguesa.

Ler mais


José Campos presidente da União de Freguesias Ventosa/Cova

“O que mais quero é a união da freguesia”

José António Campos, de 47 anos, electricista de profissão venceu nas últimas eleições autárquicas pela lista do PSD, a freguesia de Ventosa e Cova, com 63,21% dos votos e obteve uma vantagem de 128 votos, sobre a lista do PS.
Ler mais


MIL Martins - uma empresa com sucesso Líder entre as cinco melhores PME do país

Há 40 anos era a 3ª serração eletrónica do país equipada com as mais modernas máquinas “Pinheiro -Trofa”. “Só a máquina de descasque despachará 60 metros cúbicos/dia e o charriô exterior para serração, 7m3 para encomendas vulgares”, noticiava JV no registo de nascimento da empresa MIL - Martins, em finais de Dezembro de 1981.

Ler mais


Firmino Pires, presidente da Junta de Freguesia de Louredo

“Unir a freguesia é o que mais desejo”

António Firmino Alves Pires, 54 anos de idade, taxista, foi eleito presidente da Junta da Freguesia de Louredo pela lista do PPD/PSD, com 64,43%, 192 votos, contra a lista independente TSL, 27,52%, 82 votos. Secretário nos últimos dois mandatos assumiu, em Maio de 2021, a presidência pelo facto de An­tónio Lima Barbosa (o Teixugueiras) ter pedido a suspensão do seu mandato.
Com maioria absoluta (5 mandatos contra 2), o seu maior desejo é unir a freguesia.
Ler mais


João Vieira, presidente da Junta de Freguesia de Salamonde

“Não ia votar contra um documento [Orçamento] que pode trazer resultados para a freguesia”

João Manuel Rocha Vieira, 64 anos, funcionário de uma empresa privada é, desde as eleições autárquicas do passado 26 de Setembro, presidente da Junta de Freguesia de Salamonde. Tendo no seu curriculum dois mandatos como presidente da Assembleia de Freguesia, foi eleito na lista do Partido Socialista, com 55,76% de votos, sucedendo ao camarada Domingos Cerqueira, mantendo assim Salamonde como bastião do PS em Vieira do Minho.Tem como secretária, Sofia Vieira e como tesoureiro, Renato Costa.

Ler mais


Fátima de Jesus, presidente da Junta da União de Freguesias de Caniçada e Soengas

“Em redes de saneamento estamos a zero”

Maria Fátima Ribeiro de Jesus, trabalhadora do call center, de 46 anos, por força da lei da paridade, foi cabeça de lista pelo PSD à Assembleia de Freguesia nas últimas eleições autárquicas. Eleita presidente da junta, com 321 votos a favor e contra 123 votos da lista do PS, a nova presidente de Junta “vai delegar suas competências no secretário, João Vieira da Rocha, que foi presidente da Junta nos últimos quatros mandatos, tendo inclusive vencido com uma lista independente “Pela Nossa Terra” (306 votos), a lista do PS (110 votos), uma eleição au­tárquica intercalar (em Ja­neiro de 2020) para a Assembleia de Freguesia da União Caniçada/Soengas. Recorde-se que em 1979, Leolina Cândida Pereira, numa situação semelhante a esta (o pai da concorrente estava impedido de concorrer), foi presidente da Junta de Caniçada, também pelo PSD.

Ler mais


Liliane Pereira presidente da Junta de Parada de Bouro

Promete “não desiludir quem apostou na juventude”

Liliane Fernandes Pereira, advogada, 28 anos, é a mais jovem autarca do concelho de Vieira do Minho. Conquistou, pelo PS a Junta de Freguesia de Parada de Bouro, com mais 39 votos do que António Batista Silva que concorria a um 3.º mandato pela lista independente Uni­dos Por Parada. A sua vitória foi a grande surpresa da noite eleitoral no concelho de Vieira do Minho. Não é a primeira mulher a presidir à junta desta freguesia. Em 1979, a professora Maria Elvira Freitas Barreiros foi eleita pelo PSD. A jovem autarca que estudou até ao 5º ano no Luxemburgo, quer mostrar a força feminina na so­ciedade e na política.
Ler mais


João Rocha, presidente da União de Freguesias Caniçada e Soengas ao JV

“Tem sido um gosto trabalhar em prol de Caniçada e Soengas”

João António Vieira da Rocha, de 47 anos, empresário, foi eleito na lista do PS, em 2013, com 248 votos, presidente da freguesia de Caniçada. Em 2017, numa lista independente e única concorrente, Juntos Por Caniçada/Soengas, teve 243 votos. Em Janeiro de 2020, em eleições interca­lares na lista Pela Nossa Terra obteve 306 votos. Recandidata-se a um terceiro mandato.
Ler mais


Guilherme Abreu, presidente da Junta de Cantelães ao JV

“Terminaremos o mandato com uma taxa de execução acima dos 90%”

Guilherme Manuel Ramalho Abreu, de 42 anos, gestor bancário, foi eleito na lista da Co­ligação Por Vieira (PSD/CDS), em 2013, com155 votos, presidente da Junta da Fre­gue­sia. Em 2017, novamente, pela Coligação reforçou a vitória com 339 votos. Concorre a um terceiro mandato nas eleições autárquicas de Setembro/21.
Ler mais