Destaques

Ciclo-Peregrinação a Fátima 2018

De 4 a 6 de Maio a Pedalarvieira Associação pedalou até Fátima com a colaboração do Município.
O Ciclo Peregrinação contou com 17 ciclistas e um motorista de apoio, onde se incluía um jovem com 17 anos, um elemento feminino e também o Edil da Câmara Municipal, António Cardoso.
O pelotão saiu pelas 7 horas do dia 4 em frente aos Paços do concelho, para mais de 160 quilómetros, com passagem pela cidade do Porto e com o destino apontado a Aveiro. No segundo dia, foram percorridos 140 quilómetros com destino a Leiria. O percurso escolhido para esta segunda etapa, levou os participantes às belas paisa­gens de Montemor-o-Velho, ao enorme e magestoso Pinhal de Leiria, mesmo com o seu rosto pintado de negro dos incêndios, ai percorrendo sempre pela belíssima ci­clo­via do Atlântico, com mais de 30 quilómetros de extensão. No último dia, tivemos a mais pequena etapa desta ci­clo-peregrinação, com cerca de 23 quilómetros de exten­são. O percurso de Leiria até Fátima.


Dia Arquidiocesano da Juventude em Vieira do Minho

Na tarde de 2 de Junho a vila de Vieira do Mi­nho vai re­ceber centenas de jovens que aqui vão viver o Dia Ar­quidiocesano da Juventude, este ano sob o le­ma “Caminhar com a Esperança”.
A jornada pretende ser não só a celebração do Dia da Juventude mas também o início do primeiro ano do triénio de­dicado à Esperança, daí o tema do encontro: “Caminhar com a Esperança”.
Com um início previsto para as 14:30, o encontro come­çará com o acolhi­me­nto e com dinâmicas de grupo, de for­ma a pro­mo­ver a interacção entre os diferentes grupos de jovens participantes. Pelas 18:00 será celebrada a Eucaristia, pre­si­dida pelo prelado da dio­cese; pelas 19:00 será o jantar, à responsabilidade de cada um dos par­ticipan­tes.


Victorino D’Almeida na XVI conferência Cava

Na Casa Museu Adelino Ângelo, (Vieira do Minho) decorreu em 8 de Maio a XVI edição das “Conferên­cias CAVA”, com a presença do Maestro António Vi­cto­­rino d’Almeida, que versou o tema “Os jovens, a di­gni­dade e a arte”.
O conhecido compositor, maestro, pianista, escritor e apresentador deliciou e en­vol­veu todo o auditório com a sua intervenção marca­da­men­te bem disposta, pessoal, descomplexada, in­for­mal, dialogante, viva e emo­cio­nante.
A interacção com o públi­co, durante um período de cer­­ca de hora e meia, foi constante, sobretudo na re­la­­ção de proximidade com os mais jovens (alunos do en­sino articulado de música), tendo o orador, em alguns momentos, ilustrado mu­sicalmente as suas intervenções, com recurso a ex­cer­tos de peças de autores famosos de música clássica.


Vodafone Rally de Portugal de regresso a Vieira do Minho

No dia 19 de Maio às 9h 6m tem início na Senhora da Fé a (SS 10 Vieira do Mi­nho com a distância de 17,38 Km) e seis horas depois os concorrentes voltam àquele lugar para disputarem a (SS13 Vieira do Mi­nho). As provas terão transmissão televisiva através da SPORTV e da RTP.
Com uma estrutura se­me­lhante ao ano passado, destacando-se o regresso da Porto Street Stage, a lista de inscritos do Vodafone Rally de Portugal volta a con­­tar com os principais no­mes do Campeonato do Mun­do de Ralis, havendo mesmo o caso da Hyundai que traz a equipa completa. As atenções estão, porém, apontadas para o atual campeão do mundo, Sé­bas­­­tien Ogier, que por poder quebrar o recorde de 30 anos de Markku Alen, vencedor de cinco edições consecutivas do Rally de Por­tu­gal. Thierry Neuville, o se­gundo da geral do WRC, é o cabeça de cartaz da Hy­un­­dai, que conta com o espanhol Dani Sordo, Hay­den Paddon e Andreas Mik­kelsen.


Coordenador Municipal de Proteção Civil ao JV

Nuno Monteiro, engenheiro agrónomo, é o novo Coordenador Municipal de Proteção Civil (CMPC) de Vieira do Minho desde o dia 1 de Fevereiro. Tem co­mo funções o levantamento, previsão e prevenção dos riscos coletivos; analisar permanentemente a vulnerabilidade perante situações de risco; infor­mar e formar as populações, visando a sua sensibilidade em matéria de au­toproteção e colaboração com as autoridades.


Gado nas ruas do Gerês

Mais de uma centena de animais das freguesias de Vilar da Veiga e Rio Caldo, em Terras de Bouro, “des­fila­ram” pelo centro da vila do Gerês antes de subirem à Serra, onde permanecerão até ao início do outono, guardado à vez pelos seus proprietários.
“A subida do gado à serra nos meses mais quentes, à procura dos melhores pas­tos, é uma tradição se­cu­lar que não queremos deixar morrer”, disse à Lusa Miguel Teixeira, presidente da Associação Lírios do Ge­rês. Por isso, este ano a “Su­­bida da Vezeira”, teve “vés­pera solene” e prosseguiu no domingo o seu “dia grande” com passeio pelas ruas do Gerês para gáudio dos turistas daquela vila termal.