Igreja

As falsas notícias

Na mensagem para o 52º Dia Mundial das Comunicações Sociais, o Papa Francisco alerta para o tema das fake news, as notícias falsas, e propõe um jornalismo de paz, “sem fingimento, hostil às falsidades, a slo­gans sensacionais e a declarações bombásticas” que as­­suma as causas dos que “não têm voz”; um jornalismo que não se limite “a queimar notícias” mas seja “guar­dião das notícias”, propondo “soluções alternativas à es­calada do clamor e da violência verbal”.
No preâmbulo da mensagem fica claro o seu grande ob­jectivo: “contribuir para o esforço comum de prevenir a difusão das notícias falsas, que remetem para notícias infundadas, baseadas em factos inexistentes ou distor­ci­­dos, para enganar ou manipular o destinatário, usando notícias verdadeiras com fins políticos, económicos, so­ciais, ideológicos ou mesmo religiosos, que as falsas no­tícias também podem coexistir com a verdade nos media católicos.


Novo bispo de Viseu

Luciano dos Santos Costa foi nomeado pelo Papa Francisco em 03 de Maio para bispo de Viseu.
O sacerdote tem 66 anos e sucede a D. Ilídio Leandro que renunciou ao cargo por razões de saúde. O cónego An­tónio Luciano era, até ao momento, vigário episcopal para o Clero da Guarda. A ordenação episcopal está agen­­­dada para o dia 17 de Junho na Sé da Guarda pelas 16 horas. O início do seu múnus episcopal na diocese de Viseu terá início no dia 22 de Julho.
D. António Luciano dos Santos Costa nasceu a 26 de Março de 1952, em Corgas, freguesia e paróquia de San­domil (Seia), Distrito e Diocese da Guarda. É o mais velho de sete irmãos, trabalhou como enfermeiro nos Hos­­pitais da Universidade de Coimbra; depois de cumprir o serviço militar em Moçambique, retomou funções nos Hospitais da Universidade de Coimbra, completando a formação em Enfermagem.


As falsas notícias e a promoção da verdade na comunicação social

De uma actualidade impressionante, a mensagem do Papa para o Dia das Co­municações Sociais (13 de Maio) propõe-se versar a de­núncia das falsas notícias e a promoção da verdade na comunicação social.
Começa por afirmar que «ho­­je, no con­tex­to duma co­mu­nicação ca­da vez mais rá­pi­da e dentro dum sistema di­­gital, assistimos ao fenó­me­no das “notí­cias fal­­sas”, as chamadas fake news: isto con­vi­da-nos a re­fle­tir, sugerindo-me dedicar esta Mensagem ao te­ma da verdade».
Referindo-se às fake news como fruto da desin­for­mação transmitida online ou pelos meios de comunicação sociais tradicionais, estas noticias falsas di­zem respeito «a informações in­fun­dadas, baseadas em da­dos inexistentes ou dis­tor­ci­dos, tendentes a en­ga­nar e até manipular o des­tinatá­rio». Mais ainda, «a sua divulgação pode visar objeti­vos predefinidos, influenciar opções políticas e fa­vo­recer lucros económi­cos».
Como factores para a efi­cá­cia da sua transmissão o Pa­pa aponta dois motivos principais. O primeiro tem a ver com um uso manipula­dor das redes sociais e das ló­gicas que subjazem ao seu funcionamento; o segundo refere-se ao facto das pessoas interagirem muitas vezes dentro de am­bientes di­gitais homogéneos e im­per­meáveis a perspectivas e opiniões divergentes.


D. António Couto celebrou a Páscoa com os reclusos

O bispo da diocese de Lamego realizou uma visita ao Estabelecimento Prisional da cidade para celebrar a Páscoa com um grupo de reclusos.
O momento foi evocado por um grupo de reclusos na “Voz de Lamego”, falando de uma “manhã carregada de es­perança”. Os reclusos falam de uma imensa gratidão por esta visita e pelo trabalho desenvolvido pela cape­la­nia prisional.
No final da celebração da Eucaristia Pascal, o grupo de reclusos ofereceu a D. António Couto um ovo de Páscoa de grande dimensão, feito com tubos de papel de jornal.


Opus Dei em santuários marianos

As peregrinações e visitas aos santuários maria­nos são uma prática tradi­cio­nal da piedade popular que une a simplicidade de Maria com a simplicidade da oração.
Nesta dinâmica, os res­pon­sáveis da Obra fun­da­da por São Josémaria, cu­jas actividades de formação e apoio sacerdotal se de­sen­volvem, mensalmente, na paróquia de Santa Maria de Prado, um grupo de dez sa­cerdotes, pros­se­guin­do as suas peregrinações aos santuários maria­nos, visitou, a sete de Maio, o santuário de Nossa Se­nhora do Vizo em Caça­ri­lhe, no Arciprestado de Ce­lorico de Basto. Ali celebraram as suas devoções ma­rianas, re­zando os quinze mistérios do rosário e ouvindo, do capelão P.e Alexan­drino, as informações sobre a história daquele santuário, que em cada 2º Domingo de Setembro festeja a Senhora do Viso. No final o tempo sobrou para contemplar a paisagem e con­frater­nizar num res­taurante das pro­­ximida­des do santuá­rio.


Dia Arquidiocesano da Juventude em Vieira do Minho

“Caminhar com a Esperança”

Na tarde de 2 de Junho a vila de Vieira do Mi­nho vai re­ceber centenas de jovens que aqui vão viver o Dia Ar­quidiocesano da Juventude, este ano sob o le­ma “Caminhar com a Esperança”.
A jornada pretende ser não só a celebração do Dia da Juventude mas também o início do primeiro ano do triénio de­dicado à Esperança, daí o tema do encontro: “Caminhar com a Esperança”.
Com um início previsto para as 14:30, o encontro come­çará com o acolhi­me­nto e com dinâmicas de grupo, de for­ma a pro­mo­ver a interacção entre os diferentes grupos de jovens participantes. Pelas 18:00 será celebrada a Eucaristia, pre­si­dida pelo prelado da dio­cese; pelas 19:00 será o jantar, à responsabilidade de cada um dos par­ticipan­tes.


Novos diáconos ordenados no Sameiro

A Arquidiocese de Braga rejuvenesceu, a partir do dia do Bom Pastor, com a ordenação de quatro novos diáconos que espera venham a ser ordenados presbíteros no próximo ano.
Os novos diáconos, ordenados por D. Jorge Ortiga em 22 de Abril na cripta da Basílica do Sameiro, são alunos do 6º ano de Estudos Teológicos do Seminário de S. Pedro e S. Paulo que a partir de Setembro iniciam o ano de estágio pastoral em ordem à ordenação sacerdotal.


Peregrinação das crianças ao Sameiro

Organizada pela Confraria do Sameiro, com a colaboração do Departamento Arquidiocesano da Catequese e Departamento Arquidiocesano da Pastoral de Jovens, realiza-se a 5 de Maio a Peregrinação das Crianças da diocese de Braga à Senhora do Sameiro, destinada aos mais jovens alunos da catequese (do 1º ao 6º ano).
Durante o dia haverá várias actividades direccionadas para os mais novos, como o peddy-paper que, apesar de facultativo e da responsabilidade de cada grupo, se encontra disponível na Casa das Estampas. A Peregrinação tem início pelas 11h00 e termina pelas 17h00, logo após a eucaristia.
Para mais informações ou esclarecimentos encontra-se disponível o Departamento Arquidiocesano de Catequese (educris@arquidiocese-braga.pt).


D. Manuel Linda promete “coração grande” e intervenção “política”

O novo bispo do Porto, na tomada de posse do governo pastoral da diocese, em 14 de Abril, perante o Conselho dos Consultores, afirmou a intenção de exercer o ministério com “amabilidade e coração grande” e mostrou-se disponível para, “se necessário”, fazer intervenção “política” e “denúncia” pelos desfavorecidos.


Conselho Pastoral Arciprestal reconhece a urgência de formação de líderes

Na sua primeira reunião deste ano, realizada a 21 de Abril, o Conselho Pastoral do arciprestado de Vieira do Minho, reconheceu a urgente necessidade de formação laical direccionada para líderes capazes de formar e fomentar a criação de grupos “semeadores de esperança”, propostos pelo Programa Pastoral da Arquidiocese.
Na falta justificada do Presidente do CPA, P.e Alcino Xavier, por motivos de saúde, presidiu à reunião o secretário, Alberto Sousa, tendo coordenado os trabalhos agendados, o pároco de Vieira do Minho, P.e Nuno Campos, perante uma participação, cada vez mais diminuta, das respectivas paróquias e seus pastores. A última reunião do ano 2016 contou com 22 presenças, enquanto a última de 2017 teve apenas 11 participantes, o mesmo número da primeira reunião deste ano. Facto este que deixou sérias preocupações por parte dos Conselheiros que resolveram mudar o horário da mesma para as 21H00 de sexta-feira.