Igreja

Dia dos Avós

A Igreja alerta para necessidade de proteger os mais velhos

          
Dia dos Avós

«Uma sociedade que não protege, não cuida, não admira os mais velhos, está condenada ao fra­casso», alerta a Comissão Episcopal do Lai­cado e da Família, da Con­ferência Episcopal Por­tuguesa, na mensagem para o Dia dos Avós 2020 celebrado em 26 de Julho, festa litúrgica de São Joaquim e de Santa Ana, os avós de Jesus Cristo.


Os bispos católicos salientam que o Dia dos Avós «é uma oportunidade para dar graças, abraçar e celebrar a presença dos avós no passado e no presente, ir às próprias raízes e descobrir neles a ternura e o amor de Deus».
O alerta daquela Comissão Episcopal convida a sociedade a celebrar o «tesouro» que os avós representam, em par­ti­­cular perante a atual pan­demia.
«Neste tempo que vivemos, precisamos de o dizer de forma clara, de o defender de forma assertiva: uma socie­da­de que não protege, não cui­da, não admira os mais ve­lhos, está condenada ao fracasso». Os bispos destacam a importância do «testemunho concreto e real de outros tempos, tantas vezes marcados por dificuldades, lutas e ca­rên­cias». «Talvez sintamos a vontade de correr para os bra­­­ços de um avô velhinho, de uma avó sozinha. Ou de rezar por quem já partiu. Ou de contar a um filho, a uma ne­­ta, a história dos avós, dos bisavós, de todos os que nos deram a vida», acrescenta a mensagem.
O Papa Francisco recordou, há quatro anos que “os os anciãos são a reserva sa­pi­­­êncial do nosso povo. Têm sonhos construídos com re­co­rdações, com imagens e tantas coisas vividas com a marca da experiência dos anos. Se os jovens se enraízam nesses sonhos dos an­ciãos, conseguem ver o futuro, podem ter visões que lhes abrem o horizonte e lhes mos­trem novos caminhos” (CV, nº193). Eles são um tesouro. Um provérbio africano diz que “quando morre um ancião, arde uma biblioteca”. Por isso, eles merecem ser ouvidos, com paciência, nas histórias que têm para nos contar.
2020-07-30


Comentários

  Comentar artigo

Nome

Email

Comentário