Reportagem

MP deduz acusação de 18 arguidos e pede demolição de 6 moradias

          
MP deduz acusação de 18 arguidos e pede demolição de 6 moradias

O Ministério Público pede a demolição de 6 mo­radias construídas no concelho de Vieira do Minho e deduziu acusação contra 18 arguidos, por violação de regras ur­ba­­nísticas, falsificação de documentos e construção de ca­sas de habitação em áreas protegidas.
O despacho, datado de 23/02/2021, foi publicado em 24/03/2021 na página oficial da Procuradoria-Geral Re­gio­­nal do Porto e refere, entre os arguidos, “4 sociedades co­merciais; 4 empresários; uma notária; um presidente de junta de freguesia; 2 técnicos superiores; 2 engenheiros e um arquitecto, ligados à elaboração de projectos de obras de moradia; um antigo vice-presidente de câma­ra municipal de Vieira do Mi­nho e 2 proprietários de terrenos”.


Segundo o MP, os factos apu­ra­­dos, ocorreram no perío­do de 2008 a 2017 e “reportam-se à cons­trução de seis moradias na área envolvente da Albu­feira da Caniçada, violando norma ...

A sua assinatura expirou, ou não está autenticado!
Escolha agora uma assinatura; ou se é assinante, autentique-se para ler artigo completo.

Comentários

  Comentar artigo

Nome

Email

Comentário